Notícias

PREFEITURA E SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL REALIZAM 8ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DA SEMAS




outubro/2019 Reportagem e Fotos: Leo Lasan/Paraibanonews.

Com o tema “Assistência Social: Direito do Povo, com Financiamento Público e Participação Popular” foi realizada nos dias 22 e 23 de Outubro de 2019, a 8ª Conferência Municipal De Assistência Social de Paraibano, no auditório da Câmara Municipal, onde houve a participação de mais de 155 pessoas, representantes dos segmentos do Poder Publico, sociedade civil e organizada, etc.

A secretária Elaine Cintya abriu a conferência, que teve como palestrante a assistente social Juliana Alves, que é especialista em planejamento e gestão de políticas públicas “A 8ª Conferência Municipal configura-se como um importante espaço de discussão, avaliação e proposições para a política da assistência social que um direito do cidadão e dever do Estado” disse Juliana, que firmou que está havendo atrasos nos repasses dos recursos e grande possibilidades da interrupção a oferta dos serviços, por isso a importância de se lutar contra esse desmonte da assistência social por parte do governo federal “Por isso estamos discutindo e elaborando propostas para o município, Estado e União, afim de continuarmos com o funcionamento do Sistema Único de Assistência Social” afirmou a palestrante.

Um grupo de idosas do bairro Residencial, agentes comunitários de saúde, representantes do Conselho Tutelar, das secretarias de saúde, educação,da mulher, do meio ambiente, da agricultura, juventude, obras e serviços, dos programas da Secretaria de As. Social, como CRAS, CREAS, PAIF, Cadastro Único, Conselhos da Criança e do Adolescente, alunas do curso de Assistência Social, e os vereadores Elisângela Teixeira, Chiquinho Paraibano, Ana Célia e João Marcelo, psicólogos, assistentes sociais, entre outros profissionais estiveram presentes a conferência.

A conferência de 2019 chegou em um momento delicado para o setor das políticas da assistência pública em todo o Brasil. O desmonte do setor, com diminuição dos repasses de recursos financeiros aos municípios, que caíram pela metade desde 2018 e em 2019, piorou e alguns municípios estão desativando Secretarias Municipais de As. Social, como vem acontecendo em municípios do Maranhão. A continuar esses descontos financeiros por parte do Governo Federal outros municípios fecharão as portas de suas secretarias da assistência social. Uma das secretarias que mais auxilia as pessoas em situação de vulnerabilidade desde a gestação até a terceira idade está ameaçada de chegar ao fim. Esse foi um dos principais debates na Conferência em Paraibano.

  

   

   

   

   

   

      

   

   

   

   

   

    

    

    

   

   

  

    

     

    

    

Skip to content
Top